Cirurgia Plástica Pós Bariátrica

March 28, 2018

 

Após uma grande perda de peso, como a que acontece pela cirurgia bariátrica, é inevitável que fique um excesso de pele em alguns locais do corpo, como abdômen, braços, pernas, seios e nádegas, o que pode deixar o corpo com uma aparência flácida e com a silhueta pouco definida.  A pele do paciente obeso mórbido, em geral é inelástica e  apresenta estrias. Essa flacidez de pele não pode ser tratada com exercícios físicos, dieta ou mesmo uso de cremes. O tratamento dessa flacidez de pele deve ser feito através de uma cirurgia plástica. Portanto,  o objetivo da cirurgia plástica é otimizar os resultados obtidos pela cirurgia bariátrica através da remoção do excesso de tecido após o emagrecimento.

 

Qual o tipo de plástica mais indicado após uma cirurgia bariátrica?

A dermolipectomia é a cirurgia para retirada do excesso de pele, e existem diversos tipos, depende da necessidade de cada paciente, que podem ser feitos isoladamente ou combinados, contemplando mais de uma região do corpo. Os principais procedimentos que são feitos após a cirurgia bariátrica são:

 

1. Abdominoplastia

Procedimento em que se remove o excesso de gordura e de pele e, na maioria dos casos, restaura os músculos enfraquecidos ou separados, criando um perfil abdominal mais suave e tonificado.

 

2. Mamoplastia

Dependendo do paciente, tem-se a ‘mamoplastia de aumento’ popularmente conhecida como “silicone” onde a cirurgia visa o aumento de mama utilizando implantes para dar volume aos seios ou restaurar o volume mamário perdido após perda de peso. E também temos a ‘mamoplastia redutora’, procedimento que remove o excesso de gordura, o tecido glandular e a pele para atingir um tamanho de mama proporcional com o corpo do paciente e aliviar o desconforto associado com seios muito grandes e flácidos.

 

3. Cirurgia de contorno corporal

O body lifting  melhora a forma e o tônus do tecido subjacente que sustenta gordura e pele, dando uma aparência mais tonificada e delineada ao corpo. Este procedimento corrige a flacidez de diversos locais do corpo de uma só vez.Pode ser realizado nas seguintes áreas:  

• Área abdominal, localmente ou se estendendo em torno das laterais, na área inferior das costas;

• Glúteo, que pode ser baixo, plano ou em forma irregular;

• Virilha;

• Coxa, incluindo a parte externa, interna, posterior ou circunferencialmente.

 

4. Lifting de coxas

O lifting Crural, popularmente chamado de ‘lifting de coxas’ remodela as coxas, reduzindo o excesso de pele e, em alguns casos, a gordura, resultando em uma pele mais lisa e contornos mais proporcionais das coxas e dos membros inferiores.

 

5. Lifting de braços
O lifting de braço, também conhecido como lifting braquial ou braquioplastia, reduz o excesso de pele e de gordura entre a axila e o cotovelo, remodela o braço deixando a pele mais lisa e com contornos suaves, resultando em aparência tonificada.
• Reduz o excesso de pele e de gordura entre a axila e o cotovelo;
• Remodela o braço resultando em pele mais lisa com contornos suaves;
• Resulta em aparência mais tonificada.
 

6. Lifting facial

Este procedimento remove o excesso de flacidez e gordura que caem sobre os olhos, bochechas e pescoço, ajudando a suavizar as rugas e rejuvenescer o rosto.

Qual o tempo indicado de espera para fazer a cirurgia plástica pós bariátrica?

Para um resultado mais assertivo, a cirurgia plástica pós bariátrica deve ser feita quando o paciente já tiver atingido uma estabilidade em seu peso. Em média, um ano após a cirurgia bariátrica é o tempo ideal de “espera” para se realizar a plástica, mas claro, que cada caso é um caso, podendo esse tempo ser menor ou maior.  

Como é a recuperação da cirurgia plásticas pós bariátrica?

A cirurgia reparadora tem a duração de cerca de 2 a 5 horas, com anestesia geral ou local, dependendo de quantos procedimentos serão associados. O tempo médio de internação é de cerca de 1 dia, com necessidade de repouso em casa por um período de 15 dias até 1 mês.

O plano de saúde pode cobrir a plástica pós bariátrica?

SIM! Pacientes que realizaram cirurgia bariátrica (redução de estômago) através do plano de saúde, conforme entendimento majoritário do Poder Judiciário, também têm o direito a realizar as cirurgias plásticas reparadoras complementares desde que comprovem a necessidade baseada em laudos médicos e psicológicos.

Segundo o advogado Luís Eduardo Nigro, especialista em direito securitário e direito do consumidor. "Os planos de saúde têm negado as cirurgias plásticas alegando que a retirada do excesso de pele e/ou colocação de próteses tem finalidade estética. Mas para a maioria dos pacientes que passou por um emagrecimento severo e conforme inúmeros julgados acerca do tema, fazer cirurgia plástica é um complemento importante ao tratamento da obesidade mórbida e fundamental para a qualidade de vida", ressalta.

 

Você possui mais alguma dúvida sobre a plástica pós bariátrica?? Deixe um comentário ou nos contacte para informações mais detalhadas :D

Please reload

Please reload

CATEGORIAS
Mande sugestões dos assuntos que
você gostaria de ver aqui no blog!